Ribeirão Preto, 18 de Julho de 2018

Nossos escritórios

Artigos e Notícias


Abr

Acionistas estrangeiros da Redecard recorrem à CVM

 

 

Depois de muitas queixas nos bastidores, fundos estrangeiros começam a procurar a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) por conta de sua insatisfação com o Itaú Unibanco na condução do processo de fechamento de capital da Redecard.

Os estrangeiros encaminharam por escrito - e em português claro - reclamações à autarquia. Entre vários pontos, criticam a opção por uma oferta pública de ações (OPA) unificada para fechamento de capital e retirada do Novo Mercado.Identificam um conflito de interesses do Itaú na retirada da empresa do nível máximo de governança da bolsa e acreditam que o controlador não deveria votar em assembleia que avalizará essa decisão. A avaliação é que o interesse do Itaú em relação à saída da empresa Redecard do Novo Mercado, incluindo sua opção por poder vender as ações e alterar suas relações comerciais com a Redecard, é conflitante com os interesses da própria companhia.

Em outras operações recentes, a saída do Novo Mercado acontecia após e como consequência do sucesso da oferta para fechamento de capital e não independentemente disso.

Na avaliação deles, o Itaú não foi suficientemente claro, no primeiro fato relevante distribuído ao mercado, sobre sua intenção de retirar a Redecard do Novo Mercado, se não houvesse adesão suficiente para o fechamento de capital da companhia. Essa informação só ficou clara, dizem, quando saiu o edital da operação e, segundo interpretação dos estrangeiros, em tom de ameaça.

Também destacam que o banco não informou imediatamente os investidores sobre a contratação de Citibank e BR Partners para a emissão de um “fairness opinion” (segunda opinião) ao conselho de administração da empresa - só houve a divulgação depois de comentários de equipes de análise de outros bancos. Os fundos querem, ainda, que o Itaú se comprometa com a divulgação do fairness opinion, não apenas com a publicação do resultado do laudo que está sendo elaborado pelo Rotschild.

(Valor Econômico)


© 2012 - Valente Advogados - Direitos Reservados

Atual Interativa